Louveira registrou aumento de 25% na arrecadação dos meses de maio, junho, julho e agosto deste ano, em comparação com mesmo período de 2021. As informações foram divulgadas pela Prefeitura durante Audiência Pública realizada nesta quarta-feira (29) na Câmara Municipal.
A audiência apresentou as Metas Fiscais do segundo quadrimestre de 2021. Os dados foram apresentados pela diretor da divisão de Planejamento e Orçamento da Secretaria de Finanças, George Brandão. Segundo a apresentação, foram arrecadados cerca de R$ 158 milhões no segundo quadrimestre, sendo o repasse do ICMS a principal receita de Louveira, com R$ 88,7 milhões recebidos. Em relação às despesas do município, os dados demonstram que foram aplicados R$ 136,5 milhões em no quadrimestre.

Em relação aos valores investidos, foram liquidados R$ 60,7 milhões na Saúde, o que representa 20,1% da arrecadação. Na Educação, Louveira destinou R$ 69,2 milhões, o equivalente a 22,8%. Os índices do mínimo legal são de 15% e 25%, respectivamente. As despesas com pagamento de pessoal representaram 30,5%, índice bem abaixo do limite constitucional, em que o município pode gastar até 54% da arrecadação com folha de pagamento. Não há registro de dívidas do município

Com informações e fotos: CML